Aqui você pode pesquisar e adaptar planos já existentes

 


Reescrita de contos com correção ortográfica

Publicado por 
novaescola
Objetivo(s) 
  • Demonstrar conhecimento de diferentes contos de fadas.
  • Produzir e revisar textos.
  • Refletir sobre o uso das convenções que normatizam os usos da Língua Portuguesa com relação à ortografia.
  • Comunicar-se e expressar-se em de situações de intercâmbio social, elaborando e respondendo perguntas.
Conteúdo(s) 
  • Produção de texto.
  • Revisão.
Ano(s) 
Tempo estimado 
10 aulas.
Material necessário 
  • giz
  • lousa
  • papel sulfite
  • canetas coloridas
  • lápis de cor
  • livros de contos de fadas
Desenvolvimento 
1ª etapa 
Faça na lousa ou em um cartaz uma lista, em ordem alfabética, dos contos tradicionais mais conhecidos pela turma. Diariamente, reserve um tempo para ler com a classe as histórias escolhidas.
2ª etapa 
Escolha com o grupo uma das histórias e leve para a classe várias versões dela para ler com as crianças, destacando semelhanças e diferenças com relação ao tipo e à organização do texto, aos personagens que compõem a história, à sequência em que se desenrola a trama, ao tempo em que as histórias se desenvolvem, aos cenários descritos ou representados nas ilustrações. Lembre-se de fazer uma seleção prévia, evitando livros de baixa qualidade (por exemplo,adaptações com cortes demasiados na história).
3ª etapa 
Discuta com o grupo algumas características e formas de organização dos contos.
4ª etapa 
Faça um planejamento da escrita. Assegure-se de que o tipo de texto que será produzido foi trabalhado em sala por meio da discussão sobre a estrutura dos diálogos e da observação de todos os aspectos textuais. Proponha então a produção de novas versões para o conto. Em primeiro lugar, essa produção deverá ser coletiva, com a turma organizada em grupos de no máximo quatro alunos. Para apresentar a atividade, siga um exemplo como este: "Agora, que vocês já ouviram diversas versões sobre a história Os Três Porquinhos, gostaria que vocês escrevessem a própria história, porém mantendo os principais elementos dos textos lidos: os personagens, a sequência da história, os tempos e os cenários".
5ª etapa 
Em roda, faça a revisão dos textos coletivos, destacando os elementos que exigem maior atenção. Nesse momento, estimule a participação dos alunos e fique atento aos questionamentos que surgirem.
6ª etapa 
Faça cruzadinhas, jogos de forca ou stop utilizando variações que sistematizem as dificuldades ortográficas encontradas no processo de revisão, como o uso de "x", "ch", "ç", "ss" e "s". Como opção, faça um bingo de palavras envolvendo as que apresentaram mais erros.
7ª etapa 
Crie com a classe uma legenda para a correção dos textos. Abaixo, uma sugestão:

______ : erro de ortografia
( ): erro de vocabulário
+ : erro de pontuação
* : letra maiúscula
** : erro de acentuação

8ª etapa 
Escolha outro conto (sempre em conjunto com a turma) e peça que os alunos produzam uma nova versão, dessa vez individualmente. Em seguida, peça que façam a revisão e a correção para que os textos fiquem prontos para serem publicados no livro da classe.
Produto final 
O desfecho da atividade será a produção do livro com as novas versões do conto. Cuide para que o livro seja devidamente identificado com título, relação de autores e uma apresentação, que deixe claro aos leitores que a obra em questão é resultado de um trabalho de produção e revisão de texto, criado sobre uma história já conhecida. Depois de pronto, peça que os alunos divulguem o livro na escola e mantenha sempre uma cópia à disposição para que as outras turmas possam consultá-lo.
Avaliação 
Observe se os alunos passam a utilizar em outros contextos de produção escrita os conhecimentos construídos a respeito da ortografia. Observe se argumentam para defender pontos de vista e se colaboram com o grupo.
Flexibilização 
Flexibilização para deficiência intelectual 
  • Acrescente canções, filmes e animações de contos de fadas que facilitem a compreensão da história.
  • Antecipe essa atividade pedindo ao aluno, como lição de casa, que traga uma lista de títulos de contos tradicionais.
  • Combine com o aluno, antecipadamente, o que será perguntado a ele após a leitura, isso irá nortear sua concentração.
  • Se ele ainda não faz esse tipo de generalização, peça que mencione características de apenas um dos contos.
  • Proponha que ele crie um trecho da história - pode ser o início ou o que ele considerar mais marcante na trama.
Deficiências 
Intelectual
Créditos:
Vera Elena Gruenfeld
Formação:
Pedagoga, orientadora pedagógica e professora.
Autor Nova Escola

COMPARTILHAR

Alguma dúvida? Clique aqui.