Aqui você pode pesquisar e adaptar planos já existentes

 


A influência das missões jesuíticas na colonização

Publicado por 
novaescola
Objetivo(s) 

- Compreender o objetivo das missões jesuíticas no processo de colonização

Conteúdo(s) 

- Brasil colônia

Descrição. Imagem:origem

 Padre António Vieira - Óleo sobre tela, 1680 x 1280 mm. Casa Cadaval, Muge, Portugal.Obra de autor desconhecido com a efígie do célebre padre jesuíta, retratado num escritório, com o manuscrito da Clavis Prophetarum. Domínio público.

Ano(s) 
Tempo estimado 
Uma aula
Material necessário 

- Vídeo "Missões Jesuíticas" disponível no You Tube

Este plano de aula está ligado à seguinte reportagem de VEJA:

Desenvolvimento 
1ª etapa 

Inicie a aula perguntando aos alunos se eles já ouviram a expressão "missão jesuítica". Anote as possíveis respostas no quadro. Explique para a turma que a aula irá abordar o período Brasil colônia, referente aos três séculos posteriores à chegada de Pedro Álvarez Cabral ao nosso país.

Diga aos alunos que as missões jesuíticas eram povoados indígenas administrados por padres jesuítas no Brasil. O principal objetivo era catequizar os índios, ou seja, convertê-los para o catolicismo. Os primeiros padres chegaram ao Brasil no mês de março do ano 1549 e eram comandados pelo padre superior Manuel de Nóbrega. Para converter a população indígena a religiosidade portuguesa, os padres ensinavam a ler e a escrever Português. Por esse motivo, os padres criaram escolas de instrução elementar e colégios. Os sacerdotes não gostaram da ideia dos portugueses de escravizar os indígenas. Então, para ajudar as comunidades indígenas, os jesuítas realizaram um trabalho no interior do Brasil, ensinando técnicas de agricultura. Esse conhecimento permitiria que os índios vivessem com independência, mesmo afastados dos colonizadores portugueses.

2ª etapa 

Conte aos alunos que as missões jesuíticas também ocorreram no restante da América Latina. O trabalho dos jesuítas nem sempre agradavam os colonizadores porque a conversão dos indígenas ao catolicismo impedia que eles pudessem ser escravizados. Naquele momento, deixar de escravizar o indígena, na cabeça do colonizador, era perder uma mão-de-obra importante para a colonização do continente americano. Por outro lado, os padres jesuítas eram acusados de explorar o trabalho indígena para benefício próprio.

Diga para a turma que a acusação se deve ao fato que os jesuítas forneciam educação básica para catequização, mas aproveitavam o trabalho dos índios em suas fazendas ou comunidades religiosas. O sistema desenvolvido pelos padres acabou prosperando em algumas localidades e ameaçando o poder da respectiva metrópole. No Brasil, a atividade das missões jesuíticas chegou ao limite no ano 1759, quando o primeiro-ministro português, Marquês de Pombal, ordenou a expulsão de todos os jesuítas das colônias portuguesas, acusando-os de controlar um Estado próprio dentro do Império Português e de incitar os indígenas contra os portugueses.

3ª etapa 

Após explicar aos alunos o surgimento das missões jesuíticas, suas atividades e a expulsão dos padres jesuítas no Brasil, exiba o vídeo "Missões Jesuíticas" disponível no You Tube. A partir dele, explique à turma que as missões foram importantes para o domínio cultural ibérico (de Portugal e Espanha) na América Latina. A atividade das missões foi fundamental para instruir o continente recém-descoberto de acordo com a cultura católica e europeia. Quando os padres jesuítas foram expulsos de nosso país, eles já haviam fundado 36 missões, 25 residências e mais 17 colégios e seminários por todo o território brasileiro. Ou seja, o Brasil foi invadido por costumes e pela cultura ibérica naquele momento. Hoje, a influência dos jesuítas é notada em nosso cotidiano, pois várias cidades receberam nomes de santos referentes às missões, o catolicismo é a religião predominante no Brasil e a cultura material daquela época pode ser vista por todos os lugares nos quais existiram missões.

Avaliação 

Peça que os alunos pesquisem mais informações sobre missões jesuíticas e solicite um relatório da aula. Verifique, por meio do relatório e da pesquisa, se a turma conseguiu relacionar a função das missões, o motivo da insatisfação dos colonizadores e a importância que os jesuítas tiveram para estabelecer o domínio cultural ibérico na América Latina.

Créditos:
Antonio Gasparetto Junior
Formação:
Mestre em História pela Universidade Federal de Juiz de Fora
Autor Nova Escola

COMPARTILHAR

Alguma dúvida? Clique aqui.